Prefeito Facinho, junto ao governo do Estado dá início ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA)


Em diálogo com o prefeito de Cândido Mendes Facinho Rocha, Rodrigo Lago, secretário de Estado da Agricultura Familiar do Maranhão, encaminhou os procedimentos para a adesão do município ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Prefeito Facinho Rocha também aproveitou a oportunidade para apresentar as demandas do município para o setor produtivo ao secretário da SAF.

Com essas tratativas, o Sistema SAF, em parceria com a Prefeitura de Cândido Mendes, visa oportunizar trabalho, renda e qualidade de vida para os agricultores familiares candidomendense.

Ascom Prefeitura de Cândido Mendes

Vereador Guterres Filho reúne com Caema por melhorias no abastecimento em Alcântara


Melhores condições de abastecimento e dos sistemas de distribuição de água em Alcântara. Com este propósito, o presidente da Câmara de Vereadores da cidade, Guterres Filho, encabeçou reunião com representantes da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), nesta quarta-feira (24).

“A necessidade que o nosso município tem de água, é gigantesca. Temos uma adutora muito arcaica, que não suporta o volume de água que o motor-bomba manda para a cidade e ela acaba estourando. Pensando nisso, na dificuldade de água que nossos bairros e sede de Alcântara enfrentam, tomamos a iniciativa de discussão para trazer melhorias em curto, médio e longo prazo”, disse o parlamentar Guterres Filho.

Na reunião, o vereador expôs as demandas do município na área de saneamento ao diretor-presidente da companhia, André dos Santos Paula. Guterres Filho destacou o compromisso assumido pela empresa.

“Discutimos com representantes da Caema, sobre a necessidade de colocar Alcântara em primeiro lugar no planejamento. Graças a Deus, fomos muito bem atendidos e esta semana, chegará uma equipe técnica para fazer mapeamento das áreas mais demandadas e os levantamento das necessidades do município. Estamos avançando na discussão”, afirmou o vereador.

Guterres Filho informou ainda, como resultado da reunião com a Caema, que o município vai sediar audiência pública para discutir e avaliar os problemas com fins a trazer as soluções. “Baseado nisso, estamos trabalhando com todos os vereadores, para que solucionemos este problema resistente, há décadas, em nosso município”, pontuou.

Na ocasião, foi sugerido um Plano de Saneamento Municipal, considerando o potencial de expansão urbana da cidade e alinhados pontos importantes. Entre estes, a conclusão de estudos de topografia para avaliar a necessidade de construção ou substituição de estruturas; e a fiscalização do consumo atual. A reunião teve presenças de vereadores Nathalia Biné, Menca Pinho e Robson Corvelo; e do ex-prefeito Anderson Araújo.

Facinho assina termo de convênio com governo do estado para reforma de praça


O prefeito Facinho firmou convênio com o Governo do Estado do Maranhã que vai disponibilizar recursos para a reforma de uma praça no município de Cândido Mendes. O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira (24/02 ) pelo prefeito, juntamente com a Deputada Estadual Detinha e o Governador em Exercício Carlos Brandão.

“É com muita alegria que anuncio esse convênio. Estamos trabalhando diuturnamente para levar recursos para melhorar cada vez mais a vida da população de Cândido Mendes.” Afirmou o Facinho.

Por Kristofferson Tavares Lopes


Detinha reúne-se com prefeitos e vice-governador do estado


A deputada estadual Detinha (PL) reuniu-se, na manhã desta quarta-feira (24), com o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão.

A parlamentar estava acompanhada de vários prefeitos: José de Diário (Centro do Guilherme), Deusinha (Maranhãozinho), Almeida (Igarapé do Meio), Roberto do Posto (Governador Newton Bello), Aurélio da Farmácia (Pio XII), Facinho (Cândido Mendes), Christianne Varão (Bom Jardim), Val de Castro (Serrano do Maranhão) e Josinha (Zé Doca).

No encontro, Detinha e os prefeitos apresentaram demandas referentes a esses municípios ao Governo do Estado.


Dentre as solicitações requeridas estão a construção de CRAS, estradas vicinais, pavimentação e recuperação asfáltica de ruas e avenidas.

“É de extrema importância esse contato direto com os prefeitos do nosso Estado. Ao lado deles, é possível atender às necessidades dos municípios e, assim, buscar recursos para supri-las. O nosso mandato está à disposição do povo maranhense”, afirmou Detinha.

Blog do Brayan Rafael

Prefeitura de Maranhãozinho lançará Projeto "Jovem em Cena"


A Prefeitura de Maranhãozinho através da Secretária de Assistência Social e com apoio total da prefeita Deusinha (PL), lançará dia 12 de Março o Projeto " Jovem em Cena", que tem como a finalidade de realizar a inclusão social através de ações estimulantes e propositivas que ppromovamao Público Alvo, maior interesse pelo seu desenvolvimento biopsicossocial, bem como romper com a ociosidade tornando-o(a) capacitado(a) para o Mercado de Trabalho.

O projeto será lançado através de Live, transmitido pelas redes sociais da Prefeitura.

"Um projeto de grande relevância para os jovens que  buscar se capacitar para o mercado de trabalho, e de já convido todos vocês a assistiram nossa Live em que oficialmente vamos esclarecer o projeto," disse a prefeita Deusinha.

Deputado Josimar Maranhãozinho aloca recursos para Miranda do Norte, Imperatriz e defende instalação do hospital de amor em mais três cidades


Nesta terça-feira (23), o deputado federal Josimar de Maranhãozinho esteve presente na reunião da bancada federal do Maranhão, para debater sobre a destinação de recursos disponibilizados à bancada na LOA 2021 e, também, decidir acerca das áreas onde os recursos serão alocados.

Dentro do orçamento por indicação do deputado, foram contemplados, junto ao DNIT, os trechos da BR-222 que ligam a BR-135, em Miranda do Norte, da travessia urbana da BR-010 na cidade de Imperatriz e a adequação do trecho na divisa entre Piauí, Maranhão e Tocantins.


Na oportunidade, o deputado defendeu a necessidade de haver aumento de recursos para a instalação do Hospital do Amor (de combate ao câncer), nos municípios de Pinheiro, Bacabal e Santa Inês, como consta na LDO, por entender que se faz necessário haver esse aumento, para ampliarmos a quantidade de municípios aptos a receber as instalações do referido hospital, conforme descrito na LDO. Porém, entendo que deve haver um consenso da bancada para efetivação do aumento de recursos visando suprir minha sugestão.

“Estamos aqui em Brasília trabalhando incansavelmente na busca de recursos que deverão beneficiar os municípios e o povo maranhense”. Disse o deputado.

Detinha recebe lideranças políticas e reforça parcerias.


A Deputada Estadual Detinha (PL), teve agenda bastante movimentada ontem (23), onde recebeu em seu escritório amigos e lideranças políticas, reforçando parcerias e viabilizando projetos para o estado e a capital São Luís. 

"É um prazer receber os amigos e as lideranças que sempre buscam parcerias para ajudar seus municipios ou sua comunidade e através desse diálogo que reafirmo parceria e busco projetos para o estado e nossa capital. O trabalho não para. Vamos juntos!" destacou a parlamentar.

Detinha é pré - candidata a Deputada Federal e tem sua história política marcada por muito trabalho e respeito ao cidadão maranhanse.



SEMESP de Cândido Mendes realiza mutirão de limpeza nos campos de futebol


A Prefeitura Municipal de Cândido Mendes, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMESP) iniciou os trabalhos de 2021 com a limpeza do gramado do campo do Djalmão assim como da galeria que faz o escoamento das águas pluviais.

O trabalho foi desempenhado em parceria com a Secretaria de Obras (SEMOB) e é de suma importância, pois, evita que o volume de água acumulado no campo comprometa a prática esportiva durante o período chuvoso.

Além do campo do “Djalmão”, o da Vila Gracinha também recebeu os cuidados da SEMESP e SEMOB.



Prefeitura de Imperatriz, emitiu decreto restringindo o funcionamento de bares, casas de eventos, restaurantes e similares após às 23h


A Prefeitura de Imperatriz, emitiu um decreto restringindo o funcionamento de bares, casas de eventos, restaurantes e similares após às 23h, a partir desta terça-feira (23).

De acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) na segunda-feira (22), a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para Covid-19 no município está em 95,24% e de leitos clínicos exclusivos Covid-19 está em 89,62%. Desde o início da pandemia, Imperatriz já registrou 10.117 casos da doença.

A decisão vale por 15 dias e uma nova reavaliação da situação deve ser feita em 10 de março. Com isso, também ficam proibidas a realização de apresentações artísticas, festas ou eventos de qualquer natureza e a utilização de pistas de danças estão proibidas por pelo menos 15 dias, após às 23h.

O decreto determina que estabelecimentos empresariais e comerciais devem reduzir o limite de lotação para 50% da sua capacidade. Já para as celebrações religiosas, devem ser respeitados o distanciamento social, o uso de máscara deve ser obrigatório e estão proibidos utilização de instrumentos de sopro durante os encontros. Além disso, o documento determina que:

Faculdades e universidades deve restringir a quantidade para os alunos na sala de aula e adotar aulas presenciais e remotas;
Restaurantes e locais que vendem comida devem disponibilizar luvas higiências e determinar uso obrigatório de máscaras de proteção aos clientes;
Aferir a temperatura de clientes na entrada dos estabelecimentos;
Supermercados devem utilizar material descartável no uso do álcool em gel na higienização dos carrinhos e cestas compras;
Bancos deverão disponibilizar álcool em gel na entrada e deverão higienizar os caixas eletrônicos com frequência.

De acordo com o prefeito Assis Ramos, a decisão foi tomada após o município registrar um novo crescimento da curva de contaminação de novos casos de Covid-19, que até em janeiro, estava em queda.

“Trouxemos essa medida mais restritiva, para ver se dá um choque de realidade na população. Todos nós, e me incluo nessa, precisamos voltar a ter as cautelas e cuidados que tínhamos antes. Não é hora de descuidar não”, explica o prefeito.

Auxílio Emergencial definido em quatro parcelas de até R$ 300

Depois de muito debate a volta do Auxílio Emergencial deixou de ser especulação e agora é uma realidade. A meta do governo é pagar quatro parcelas com valores de R$ 200 entre os meses de março e junho, contudo o governo enxerga uma projeção de R$ 250.

De acordo com os cálculos do governo, aproximadamente 40 milhões de pessoas vão ser beneficiadas com a nova prorrogação do auxílio emergencial. As contas de técnicos da Esplanada são de que, para bancar o benefício, o Tesouro Nacional terá de se endividar em pelo menos R$ 30 bilhões. O complemento necessário virá do orçamento do Bolsa Família, previsto em R$ 34,8 bilhões para todo o ano de 2021.

Contudo de acordo com o novo presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), o Congresso não poderá fazer “aquele jogo de pôquer que ficou da outra vez” ao qual deverá alinhado com o presidente Jair Bolsonaro a determinar o valor da nova prorrogação em R$ 300.


“O ministro da Economia, Paulo Guedes falou em R$ 200 para o novo auxílio, e o presidente Bolsonaro anunciou R$ 300. E o que o presidente anuncia, o governo vai ter que arrumar um jeito de fazer, penso eu”, afirmou o presidente da Câmara em entrevista publicada ontem (22) no jornal O Globo.

“Talvez [R$ 300] seja o valor ideal na cabeça de todo mundo. E o Congresso vai ter que ter muita responsabilidade para não mexer nesse valor, para não ficar aquele jogo de poker que ficou da outra vez: ‘eu blefo e o outro paga’. Então saiu de R$ 200 para R$ 600”, continuouLiberação em março

Para que o pagamento das novas parcelas do auxílio emergencial sejam iniciados já no mês de março o governo precisa que o Congresso aprove a PEC Emergencial o mais rápido possível. A minuta do documento já foi distribuída pelo relator da PEC, senador Márcio Bittar, aos líderes partidários.

Seguindo o cronograma traçado pela equipe econômica do governo, a PEC deve ser votada nesta quinta-feira, 25 de fevereiro no Senado, e no máximo em duas semanas deve ser decidido na Câmara dos Deputados. A partir disso o governo editará uma Medida Provisória definindo o valor efetivo do beneficio.